Prestação de contas da PMC termina em caos

05/07/2017

5 de julho de 2017. Mais um dia daqueles em Cubatão.

No fim da tarde, uma das chaminés do Polo Industrial de Cubatão emitiu um fumacê nada convencional, que aliado ao vento, formou um “cogumelo atômico” em pleno centro da Cidade.

Logo depois, um evento de prestação de contas da Prefeitura de Cubatão virou o palco de mais um momento surreal.

Servidores públicos, profissionais do Hospital Municipal e Cursan, interromperam o evento logo em seu início, quando o prefeito Ademário Oliveira iniciava sua fala. Após cerca de 20 minutos de paralisação, alguém ainda não identificado surgiu detrás do palco e disparou um gás (provavelmente de pimenta) nos manifestantes e nas autoridades que estavam tentando reiniciar o ato. Resultado: tumulto generalizado e quase uma tragédia com centenas de pessoas intoxicadas.

Pra completar a noite, os ânimos exaltados de todos quase culminaram com uma briga campal em plena Praça dos Emancipadores.

Cubatão vive um momento dramático. Milhares de desempregados, uma máquina administrativa quase ingovernável, violência e intolerância. Caos, com C maiúsculo.

Que esse inferno astral coletivo passe o mais rápido possível.


Anúncios

%d blogueiros gostam disto: