Posts

Este é o Teatro Municipal

Todos já sabem que o programa Custe o Que Custar (CQC) irá denunciar o escândalo envolvendo o Teatro Municipal de Cubatão.

Mas o que ainda pouca gente viu é o atual estado do prédio. Em primeira mão, mostro imagens do interior do Teatro Municipal, em fotos exclusivas feitas por mim, ao mesmo tempo em que um inspetor da Petrobras vistoriava o local. A cobertura completa poderá ser vista na edição desta sexta-feira do Jornal da Cidade.

Há apenas um segurança cuidando do local, mas esta simpática cadelinha dá uma patinha, quer dizer, uma mãozinha.
Há apenas um segurança cuidando do local, mas esta simpática cadelinha dá uma patinha, quer dizer, uma mãozinha.
No saguão de entrada, o flagra. Um pedaço da cobertura do teto foi arrancado à mão, e a fiação elétrica cortada.
No saguão de entrada, o flagra. Um pedaço da cobertura do teto foi arrancado à mão, e a fiação elétrica cortada.
Detalhe da cobertura do teto arrancada.
Detalhe da cobertura do teto arrancada.
Quadro de avisos com mensagem provavelmente escrita por um dos invasores.
Quadro de avisos com mensagem provavelmente escrita por um dos invasores.
A geladeira é o único item que sobrou no refeitório, que foi saqueado.
A geladeira é o único item que sobrou no refeitório, que foi saqueado.
Na única sala que havia sido entregue, cadeiras quebradas e sujeira predominam entre o breu.
Na única sala que havia sido entregue, cadeiras quebradas e sujeira predominam entre o breu.
Outra parte do telhado, que ameaça cair.
Outra parte do telhado, que ameaça cair.
Fiação arrancada da parede. O prejuízo total pode chegar à R$ 100 mil.
Fiação arrancada da parede. O prejuízo total pode chegar à R$ 100 mil.
Atrás dos tapumes, a imagem do abandono.
Atrás dos tapumes, a imagem do abandono.
Mais um trecho do telhado completamente destruído.
Mais um trecho do telhado completamente destruído.
E pensar que tem dinheiro público neste local...
E pensar que tem dinheiro público neste local...
Anúncios
Posts

Exclusivo: Teatro Municipal será tema do CQC

Uma equipe do programa Custe o Que Custar (CQC) da TV Bandeirantes está visitando Cubatão para gravar o quadro “Proteste Já”, em que Rafinha Bastos cobra das autoridades soluções para os problemas da cidade. O tema: o escândalo envolvendo as obras do Teatro Municipal.

Quem chamou a equipe foi o jornalista e ex-candidato à prefeito Dojival Vieira, que há tempos toca nesse assunto em seu blog. A produção do programa está na fase de coleta de informações. A Promotoria Pública não quis, por enquanto, gravar entrevista. Resta saber se o principal nome da história – Edson Carlos, o “Bombril” – vai ser achado para falar sobre o caso.

Entenda o caso na matéria publicada pelo Jornal da Cidade em setembro do ano passado.

Leia mais:

Teatro Municipal é depredado

Bandidos furtam objetos do Teatro Municipal

Putz Grill