Posts

Virou bagunça!

Plenário vazio. Virou rotina na Câmara. (Foto: Allan Nóbrega - arquivo)

Hoje, pela segunda vez, a sessão da Câmara de Cubatão acabou antes do esperado.

Na semana passada, os trabalhos sequer começaram. A falta de dois integrantes do bloco de situação – o que na visão do líder da Prefeita, Adeildo Heliodoro (Dinho), poderia atrapalhar a aprovação de projetos de interesse do Executivo – provocou um acordo dentro do bloco do PT, que obstruiu a sessão legislativa.

Esta semana, nem sequer sabe-se o motivo, mas outro acordo, só que dessa vez entre todos os parlamentares, cancelou a primeira parte dos trabalhos (onde os vereadores apresentam seus requerimentos e indicações) e a sessão foi direto para a ordem do dia. Tempo total de trabalhos: 55 minutos.

Neste pouco tempo, foram aprovados o convênio da PMC com a OAB Cubatão para assistência judicial gratuita e uma cessão de próprio municipal à Associação Cubatense de Defesa dos Direitos das Pessoas Deficientes. Além disso, a prefeita enviou seu quarto veto a projetos da Câmara, desta vez um do presidente da Casa, Alemão, que criava estacionamentos de bicicletas em locais públicos.

Segundo a justificativa, a Prefeita entende que essa iniciativa só pode partir do Executivo, pois gera gastos à municipalidade. Ela prometeu que irá enviar projeto semelhante ao Legislativo, para que este seja aprovado.

Geraldo (à direita) "presenteia" Alemão. Foto: Allan NóbregaO vereador Geraldo Guedes, sempre ele, não se fez de vencido e fez mais um de seus “sutis” manifestos à atual administração petista. Entregou a Alemão uma camisa da equipe de ciclismo da Prefeitura, em “homenagem” a seu projeto ter sido vetado pela Prefeita.

Enquanto todos vão para casa mais cedo, a população mais uma vez é feita de boba, perdendo tempo para chegar ao plenário e tendo que ir embora antes sequer de esquentar as nádegas na cadeira. Parece que nossos nobres edis descobriram essa artimanha e toda semana irão nos brindar com novas desculp…, ops, justificativas para interromperem os trabalhos e retornarem a seus merecidos descansos. Afinal, não há problemas na Cidade mesmo…

Ah, lembram do caso Bigode? O pedido de investigação por parte da bancada do PT foi retirado, pois o Ministério Público entrou na parada e pediu explicações ao Legislativo.

Francisco Leite da Silva não está preocupado com isso. Pelo contrário, comemorou no último final de semana seu aniversário, em uma festa para 800 pessoas na Cota 200, que contou com a presença do vice-prefeito de São Bernardo do Campo, o Cãozinho dos Teclados Frank Aguiar!

Como fala uma das canções do segundo titular do Executivo do município do ABC, “lavou, tá novo”!