O tamanho da encrenca

Os que acompanham este blog já devem ter uma noção do estado de abandono no qual se encontra a cidade onde moro, Cubatão.

Pois bem, na última quarta-feira (17), a prefeita eleita em outubro, Marcia Rosa (PT), apresentou em um evento na Associação Comercial Cubatense um balanço do que sua comissão de transição pode apurar sobre a situação em que se encontra o Município e a Administração Municipal. O cenário não poderia ser mais caótico.

A equipe detectou dezenas, para não dizer centenas, de pontos negativos na gestão Clermont Castor (PR). Só para se ter uma idéia, eis os principais problemas:

DESVIO DE FUNÇÕES
FALTA DE CONSERVAÇÃO DE PRÉDIOS E EQUIPAMENTOS PÚBLICOS
CONTRATOS A VENCER EM 2009 (empresas como Terracom, Sabesp, Pró-Saúde, Marvin, Cestas Roca, A Tribuna e CAAT)
ALTO NÚMERO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVOS E DÍVIDAS A PAGAR

Prefeita eleita Marcia Rosa (PT) e vice-prefeito eleito Arlindo Fagundes (PSB), durante a coletiva

Prefeita eleita Marcia Rosa (PT) e vice-prefeito eleito Arlindo Fagundes (PSB), durante a entrevista coletiva (foto: Allan Nóbrega)

A prefeita eleita comentou, durante entrevista coletiva antes do evento, que “muitos detalhes ainda são um mistério e só será possível saber a real situação da Prefeitura quando assumir o cargo em janeiro”.

Marcia Rosa demonstrou preocupação com o quadro atual da Prefeitura e com a crise econômica cada vez mais presente no nosso dia a dia.  Ela adiantou que fará mudanças administrativas (extinção de secretarias e criação de outras) e procurará manter parcerias com os governos do Estado e Federal para tentar contornar os problemas de caixa.

Sobre o secretariado, mistério. Mas alguns nomes bastante cotados para assumirem secretarias estiveram presentes, como Marcio Calves e Marilda Canelas. É aguardar para ver.

Na minha opinião, foi um tapa com luva de pelica no atual prefeito. Realmente, a prefeitura de Cubatão está à beira do caos e Marcia Rosa, quando vereadora, foi uma das mais ferrenhas opositoras a Clermont, fator que inclusive foi decisivo na vitória da petista.

Mas a partir de primeiro de janeiro, a pedra vira vidraça e aí o bicho pega. Como Marcia disse para mim ao acompanhar a divulgação do relatório – em tom de brincadeira, é verdade, mas com um leve fundo de verdade – “estou ferrada”.

______________________________________________________

Quem quiser saber mais detalhes sobre o que foi apurado pela equipe de transição, disponibilizo a apresentação do resumo do relatório final em Power Point, cedido gentilmente pela assessoria da prefeita eleita. Leia e tire suas próprias conclusões.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: